Peemedebista Eduardo Cunha é preso na Asa Norte

Hoje

montagemcunhamoro1
Divulgação

Chegou à vez do Eduardo Cunha. É que o peemedebista cassado da Câmara dos Deputados Federais, mês passado, foi preso hoje (19), em Brasília. As algemas foram colocadas no ex-deputado nas proximidades de sua residência, localizada na Asa Norte, em Brasília. A ordem de prendê-lo partiu do juiz federal Sérgio Moro. A prisão foi anunciada no bojo da Operação Lava Jato, segundo a Polícia Federal. Cunha será levado para Curitiba até o final da tarde.

Contra Eduardo Cunha pesam diversos crimes. Desde contas na Suíça supridas e oriundas de propinas na Petrobrás, por manutenção de contas não declaradas no exterior e evasão de divisas.

A esposa de Eduardo Cunha, a jornalista Cláudia Cruz, também é acusada na Lava Jato. Segundo investigações da Policia Federal, um valor de US$ 1 milhão de propina foi recebido em forma de contrato da Petrobrás no campo petrolífero de um pequeno e pobre país da África- Benin-. Essa grana foi gasta por ela em compras de luxo na Europa. Cláudia adquiriu sapatos, bolsas e roupas de grife na França, Itália e em outros países europeus. Com dinheiro público é mole. Quero vê trabalhar e com suor da cara fazer todas essas estripulias.

pablomarlon@basedenoticias.com.br

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *