Prefeitura do Rio divulga esquema para Carnaval de Rua 2017

CARNAVAL RIOTOUR

Foto: Alexandre Macieira – Riotur

A Prefeitura do Rio apresentou  o esquema operacional para o Carnaval de Rua 2017, em coletiva que reuniu todos os órgãos públicos envolvidos na operação. Este ano, 451 blocos comandam 578 desfiles. O Centro é o grande palco do Carnaval dos blocos. A operação do Veículo Leve sobre Trilhos permanece inalterada, com reforço na circulação de trens das 6h às 24h durante todo o período.

“A Rua Primeiro de Março será a grande arena do Carnaval do Rio. Só nela estamos prevendo 200 banheiros químicos e 20 contêineres, torres de segurança e dois postos médicos. Os maiores blocos que desfilam pelo centro da cidade passam pela via”, adiantou Marcelo Ferreira Alves.

A expectativa da Riotur é que 1,1 milhão de turistas venham para a cidade no carnaval, injetando cerca de R$ 3 bilhões na economia. A estimativa da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Rio de Janeiro (ABIH-RJ) é que a ocupação hoteleira na capital chegue a 80% – ano passado, este índice foi de 85%, mas a cidade contava com 18 mil quartos a menos do que dispõe atualmente.

Acompanhando o crescimento do evento, em 2017 o Carnaval de Rua terá 31,8 mil banheiros móveis disponíveis – um aumento de
25% em relação a 2016, quando foram oferecidas 25.460 posições. Para chegar a esse total, serão utilizados contêineres, mictórios e banheiros químicos. O número de ambulantes credenciados como promotores de venda para atender aos foliões no comércio de bebidas ao longo do percurso dos blocos é de 4,5 mil.

Sinalização e controle de trânsito

A organização do trânsito contará com 1.500 diárias de controladores de tráfego, 300 cones de 75 cm, 150 faixas de sinalização, 500 galhardetes de orientação de trânsito, oito painéis de LED para serem operados pela equipe da CET-Rio.

Joaquim Diniz, diretor de Operações da CET-Rio, lembrou que cariocas e turistas devem deixar o carro de passeio em casa: “Quem for aos blocos, sambódromo ou precisar se deslocar pela cidade, tem que priorizar o transporte público, principalmente os que têm vias segregadas como metrô, trem e VLT. Ônibus também terão itinerários alterados para desviar de fechamentos de vias”.

Operação especial atenderá todos os blocos de rua da Cidade. Serão 900 homens, entre controladores da CET-Rio e Guardas Municipais, com apoio de 60 viaturas e 50 motocicletas, que trabalharão para manter a fluidez do tráfego, coibir o estacionamento irregular, ordenar os cruzamentos e orientar os pedestres. Além disso, 30 reboques da CET-Rio estarão posicionados para imediata desobstrução das vias em caso de acidentes ou quebras de veículos nas rotas de desvio.

VLTVLT 01

O Veículo Leve sobre Trilhos (VLT) vai operar durante o Carnaval em horário normal, das 6h às 24h. De acordo com a programação de blocos e shows nas praças XV, Tiradentes e Mauá, para a segurança de pedestres, haverá controle no acesso às plataformas e paralisações momentâneas da operação caso haja invasão de pedestres aos trilhos. O trabalho de segurança na operação seguirá a mesma linha implementada durante os Jogos Olímpicos, com avaliação em tempo real das necessidades de ajustes no sistema e trajetos.

METRÔRIO

O MetrôRio terá um esquema especial de funcionamento 24h durante os cinco dias de Carnaval. Os trens circularão sem interrupção a partir das 5h de sexta-feira (24/02) até as 23h de terça-feira (28/02), com extensão de embarque nas estações Praça Onze e Central até as 3h deMETRÔ RIO quarta-feira (01/03), para atender o público do do desfile das escolas mirins. A partir das 10h de sábado (25/02), os trens da Linha 2 operam com trajeto direto entre Pavuna e General Osório, sem necessidade de transferência entre as duas linhas. Os usuários que desejarem embarcar na Linha 4 deverão fazer a transferência na estação General Osório. A Concessionária recomenda a compra do cartão unitário com antecedência para evitar filas. Também serão aceitos os cartões pré-pago do MetrôRio, Bilhete Único, Vale Transporte ou Riocard.

SAÚDE

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) reforçou a equipe para o atendimento pré-hospitalar nas áreas de maior concentração de público. Quatro postos serão montados na cidade: dois no Centro, um em Copacabana e outro em Ipanema e Leblon. Os pontos de atendimento médico funcionarão nos dias de desfiles previstos no calendário oficial de blocos da cidade.

Ao todo, 210 profissionais de saúde, 70 deles médicos, estarão trabalhando durante o carnaval nos postos para atender os foliões que necessitarem. O esquema também terá 76 ambulâncias, 76 médicos e 76 enfermeiros para suporte ao atendimento e auxílio na remoção dos casos mais graves para hospitais da rede municipal de saúde. Essas transferências serão coordenadas pela Central de Regulação do município. A estrutura dos postos contará com 16 leitos, sendo quatro de suporte avançado, além de 10 poltronas de hidratação.

No Centro, os dois postos serão montados na Praça Ana Amélia e no Largo da Carioca e funcionarão nos dias 19, 25 e 27 de fevereiro e nos dias 4 e 5 de março. Em Ipanema, o posto médico estará aberto na Praça General Osório nos dias 11, 18, 19, 24, 25, 26, 27 e 28 de fevereiro e nos dias 4 e 5 de março. Já o posto montado em Copacabana  o atendimento será feito na Praça do Lido nos dias 18, 19,  24, 25, 26, 27 e 28 de fevereiro e no dia 4 e março.

Fonte:http://portomaravilha.com.br/noticias

 e-mail: marlonpablo@basedenoticias.com

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *