Preocupados com a Democracia. Será?

Antônio Cruz/Agência Brasil

Denunciados na 2ª lista do Procurador-Geral da República Rodrigo Janot, Rodrigo Maia (DEM), presidente da Câmara e do Senado Eunício Oliveira (PMDB), se reuniram como Michael Temer e Gilmar Mendes (TSE) para defender uma suposta reforma política. Segundo Maia é importante buscar um fundo eleitoral público.

“A democracia tem que ser financiada, não tem alternativa. O que melhor se adéqua ao financiamento público exclusivo, ou quase exclusivo, e que tem o sistema com um custo menor, é a lista fechada”, justificou.

Gilmar Mendes endossa a proposta com a justificativa de que o sistema atual tem distorções. “Estamos preocupados com o mau desenvolvimento do sistema político-eleitoral. Não adianta falar em criar um sistema público de financiamento com o sistema que nós temos de lista aberta. Isso que permitiu essa proliferação enorme de partidos, a dificuldade de financiamento e todas essas distorções do modelo”, afirmou.

Trecho: http://www2.camara.leg.br/camaranoticias

Ao que tudo indica na proposta de lista fechada o leitor votará apenas na legenda e não mais no candidato. Em tempos de lava-jato tanto na Câmara quanto Senado há envolvidos em lavagem de dinheiro e caixa dois. Essa tal preocupação com a Democracia parece mais uma armação, estratégia para salvar o próprio umbigo. Caso queiram mesmo falar sobre reforma política a sociedade tem que participar.

e-mail:marlonpablo@basedenotocias.com.br

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *